Como fazer mudas de Jambo amarelo

Como fazer mudas de Jambo amarelo

Nome científico: Syzygium jambos

Nome popular: Jambo amarelo, Jambo comum.

Família: Myrtaceae

Origem: Ásia Tropical (Índia e Malásia)

Características Gerais:

– Trata-se de uma árvore frutífera totalmente rústica, de ciclo de vida perene, que poderá ultrapassar mais de 10 metros de altura.

– As flores de coloração branca, geralmente com pico de produção, na primavera.

– Os frutos carnosos, de cor amarelada, são levemente perfumados e saborosos.

– As sementes ocorrem dentro do fruto, (de uma a quatro sementes por fruto).

Clima:

– Trata-se de uma planta adaptada ao clima quente e úmido: Equatorial, Tropical, Subtropical e deverá ser cultivada a céu aberto e sol pleno.

Solo:

– Trata-se de uma planta rústica, mas, deverá ser cultivada em solo fértil, profundo e drenável.

Propagação:

– A multiplicação da planta é feito por sementes.

Procedimentos:

– Retirar a semente do fruto.

– Secar à sombra sobre jornal, geralmente, por um dia.

– Remover as membranas que envolve a semente.

– Semear as sementes em caixas de germinação e/ou canteiros somente com substrato de areia.

– Enterrar as sementes no substrato de areia, em média com 1,5 cm de profundidade.

– Nesta fase inicial, não deverá ser aplicado qualquer tipo de adubação.

– Manter o substrato de areia sempre com boa umidade, sem exageros.

– Geralmente em 30 dias as sementes já estarão germinadas.

– Quando a plantinha estiver com 5 a 6 folhas, poderá ser repicada para balainhos individuais, feitos com sacos plásticos, com capacidade para 1,5 litros de substrato.

Nota:

– As mudas deverão ser removidas com cuidado para não danificar o seu sistema radicular.

– Nesta fase o substrato dos balainhos deverá ser terra de boa qualidade enriquecido com esterco orgânico bem curtido.

– Após o transplante das mudas, os balainhos deverão ser levados para viveiros de vegetação, com sombrite 50%.

– As regas deverão ser feitas periódicas, apenas para manter o substrato com boa umidade.

– Quando as mudas atingirem mais de 0,5 metros de altura, já poderão ser levadas a campo.

Nota:

– Antes das mudas serem levadas para seus locais definitivos, aconselha-se fazer a aclimatação gradativa ao sol, por uma semana.

Para ver um vídeo desta planta CLICAR AQUI

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *