Como fazer mudas de Cajá-manga

Como fazer mudas de Cajá-manga

Nome científico – Spondias dulcis Forst.

Família: Anacardiaceae

Origem : Oceania

Características:

– É uma árvore perene, que atinge até 15 metros de altura.

– O fruto quando maduro, apresenta-se com casca amarelada, pintalgada de pardo, muito aromático e de polpa suculenta e agradável, de sabor característico: agridoce e levemente ácido, com endocarpo fibroso.

Propagação:

– A propagação pode ser feita através de sementes ou estacas.

Propagação por estacas:

– O método de proliferação, através de estaquia de galhos maduros, é vantajoso para se obter a frutificação da planta, mais rapidamente.

– Escolha galhos médios e maduros com aproximadamente três a quatro centímetros de diâmetro por um metro de altura, cortando-os, em  bisel.

– É necessário fazer pequena desfolha nos galhos selecionados para a planta não sentir, perdendo água pela transpiração folhar através da fotossíntese.

– As estacas podem ser plantadas em seus locais definitivos ou em balainhos grandes , tipo: latas de vinte litros, baldes velhos descartados, etc.

– Enterrar a estaca mais ou menos quarenta centímetros no solo.

– Assim que começarem a emitir brotos ou folhas novas, já poderão ser levadas a campo.

– A melhor época para o plantio é o período que coincide com a época das chuvas: dezembro a março.

– Arvore de crescimento moderado não resiste a geadas fortes.

– Adaptam-se bem em qualquer tipo de solo, mas preferem solos profundos, ricos em material orgânico, bem drenados, com pH  de ácidos a neutro (5,5 a 7,0.

– A planta inicia a frutificação no 4ª ano.

– É interessante que se plante no mínimo duas mudas, num raio de até cinqüenta metros, para que haja polinização cruzada, obtendo melhor produtividade.

Proliferação através de sementes:

– As sementes são envoltas por espinhos fibrosos macios.

– As sementes precisam de choque térmico para quebrar a dormência. (mergulhando-as em água quente a mais ou menos 65 graus C., por uns 2 minutos).

– Plantar em balainhos, com solo rico em material orgânico.

– Colocar os balainhos à meia sombra, mantendo umidade constante, sem encharcamento.

– As sementes germinarão dentro de um a dois meses.

Considerações básicas:

– A cajazeira deve ser plantada definitivamente a pleno sol, com espaçamento entre plantas de sete a dez metros.

– Adicionar ao solo da cova, vinte litros de esterco animal bem curtido.

– Irrigar abundantemente a muda imediatamente após plantada. Depois, sempre que o solo apresentar-se com falta de umidade.

Floração:

– As flores ocorrerão de novembro até janeiro.

 

Frutificação:

– Os frutos estarão prontos para o consumo entre Abril a Junho.

Utilização:

– O fruto pode ser consumido in natura, ou na forma de sucos, sorvetes, geléias, etc.

– Trata-se de um fruto rico em fibras.

Para ver um vídeo desta frutífera: CLICAR AQUI

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>